Resolução sobre o perdão das dívidas nacionais

Logotipo da Aliança Mundial Batista

Resolução do Conselho Geral do BWA 2001.3

Reunião do Conselho Geral da Aliança Mundial Batista em Charlottetown, Ilha do Príncipe Eduardo, Canadá, 2-7 de julho de 2001

REGISTA a iminente reunião de cúpula do G8 a ser realizada em Gênova, Itália;

RECORDA a resolução do Conselho Geral de 1999 sobre o Jubileu 2000 felicitando as nações do G8 pela adoção de um pacote de perdão da dívida de $100 bilhões de dólares;

REGRETE que o processo de perdão das dívidas das nações mais pobres não tem prosseguido mais rapidamente;

INCENTIVA todos os líderes do G8 a avançar o processo para que as nações mais pobres possam promover o bem-estar econômico e social de seus cidadãos; e

CONVIDA os batistas e todas as pessoas de boa vontade a continuar a apoiar a campanha para incentivar os governos e as instituições credoras a implementar com maior rapidez as decisões já tomadas sobre o alívio da dívida e para que as nações devedoras traduzam esse alívio em benefícios tangíveis para seus cidadãos; e

INSISTE que nada aqui deve trabalhar para promover governos que negam a liberdade a seu povo.

Citações

Bibliografia de fonte original: Lotz, Denton, editor. Anuário da Aliança Mundial Batista 2001: Ata da Reunião do Conselho Geral e Diretório. Falls Church, VA: Baptist World Alliance, 2001.

Fonte Original Nota de Rodapé/Endnote: Denton Lotz, ed., Anuário da Aliança Mundial Batista 2001: Ata da Reunião do Conselho Geral e Diretório (Falls Church, VA: Baptist World Alliance, 2001), p. 95.

Citação completa do documento online: Resolução do Conselho Geral do BWA 2001.3 Resolução sobre o perdão das dívidas nacionais; https://www.baptistworld.org/resolutions.

Citação de documentos on-line em texto: (Resolução 2001.3 do Conselho Geral do BWA).

Para mais informações sobre as resoluções da Aliança Mundial Batista, visite BaptistWorld.org/resoluções.

Desde a sua formação em 1905, a Aliança Batista Mundial tem colocado em rede a família batista global para impactar o mundo para Cristo com um compromisso de fortalecer o culto, a comunhão e a unidade; liderar em missão e evangelismo; responder às pessoas necessitadas através de ajuda, alívio e desenvolvimento comunitário; defender a liberdade religiosa, os direitos humanos e a justiça; e avançar na reflexão teológica e no desenvolvimento de lideranças.

Últimas notícias